domingo, 8 de fevereiro de 2009

Um e-mail

Acabo de receber um e-mail hilariante. Aconselho as crianças, pessoas sensíveis e idosos facilmente aterrorizáveis a não lerem o conteúdo desta mensagem.

Passo a transcrever:
CARTA DA BRUNINHA
"Observações da Bruninha (8 anos), depois de ter recebido da sua mãe a espinhosa missão de vigiar escondida a sua irmã Suzana (17 anos), que teve permissão, de sua severa mãe, para poder namorar no sofá da sala. Ela faz seu ingênuo e detalhado relatório de tudo que viu, ouviu e sentiu.

Para Mamãe:

Mãe, a Suzana e o namorado dela apagaram a maior parte das luzes da casa e se sentaram no sofá. Ele chegou perto dela e começou a abraça-la. A Suzana deve ter começado a ficar doente, porque o rosto dela começou a ficar vermelho. O namorado dela deve ter percebido que ela começava a passar mal, porque ele colocou a mão dentro da blusa dela, acho que pra sentir seu coração, só que ele demorou muito pra encontrá-lo!!!! Aí, foi ele quem começou a ficar doente, porque os dois começaram a ficar ofegantes, com falta de ar. Acho que a mão dele estava fria, porque ele a colocou dentro da saia da Suzana, que deitou no sofá dizendo que estava muito quente.


Depois de algum tempo consegui ver o que estava deixando os dois doentes: uma grande enguia enorme tinha saltado de dentro do bolso da calça dele. Foi então que a Suzana agarrou a enguia com as duas mãos, acho que para evitar que ela fugisse.


De repente a Suzana deve ter ficado maluca, porque ela tentou comer a enguia. Colocou ela inteirinha na boca e ficou tentando engolir. Acho que enguia é uma coisa muito dura e ruim de comer, principalmente viva, porque depois de um tempão a enguia vomitou e saiu da boca da Suzana ainda inteirinha!!! O namorado da Suzana então, enfiou a enguia em um saco plástico, tentando sufocá-la, daí a Suzana tentou ajudá-lo e deitou, prendendo a enguia entre as pernas, enquanto o namorado deitava em cima dela, eles ficavam tentando esmagar a enguia entre eles. Mãe, eu confesso que fiquei assustada porque a Suzana gritava tanto e se contorcia toda... Depois de muito tempo os dois soltaram um suspiro de alívio. Acho que conseguiram matar a enguia, porque eu a vi pendurada embaixo da barriga do namorado da Suzana. A Suzana e o namorado sentaram no sofá e começaram a beijar e, quero que um raio caia na minha cabeça, se a enguia morta não ressuscitou e eles começaram a batalha novamente. Acho que o namorado dela estava cansado, pois foi a Suzana que tentou esmagar a enguia desta vez, sentando em cima dela.. Imagino que a Suzana é muito fraquinha, porque depois de algum tempo o namorado pediu para ela deitar de bruços e voltou a tentar esmagar a enguia, mas dessa vez com muita força. Fiquei preocupada, porque a Suzana gritava muito, porém, a vontade de matar a enguia era tão grade que a Suzana gritava: 'Vai, vai, não para, não para'.
Depois de uns 40 minutos enfim o alívio: a enguia morreu!!! O namorado da Suzana disse que tava todo esfolado e jogou a pele da enguia pela janela.


Mãe, eu estava pensando, acho que as enguias são como os gatos, têm sete vidas ou mais...
Bruninha."


Obrigado AMe pelo e-mail.

Sem mais,
Luís Gonçalves Ferreira

4 comentários:

  1. Também recebi esse e-mail!

    :D

    Ora aí está a prova de que as crainças são inocentes...

    ResponderEliminar
  2. (depois das gargalhadas)

    ...é caso para dizer... "Ah valentes!!!!"

    Abraço

    P.S. E pronto, agora a juntar à fobia de cobras e bichos similares, mais um motivo para estranhar o "ensopado de enguias" (que dito neste contexto tem muito que se lhe diga... ah pois tem!):D

    ResponderEliminar
  3. Enfim...

    Coitada da Bruninha que pensava que havia uma enguia a fazer mal à Irmã... Mal ela sabe que um dia uma enguia a poderá sufocar... XD

    ResponderEliminar
  4. Txiii..nem imaginas há quantos anos eu li esta anedota no sapo.. ou foi na iol? humm bem ja n me recordo.. sei q dps andei atrás dela e nc mais encontrei a pagina! ta hilariante! adorei.. g'anda enguia :p

    ResponderEliminar

Vá comenta! Sem medo. Sem receio. Com pré-conceitos, sal e pimenta!