domingo, 26 de abril de 2009

Trivialidades

Caminhando, descalço, sobre as nuvens, pensei nas maravilhas do Mundo. O céu colapsa no confim do infinito. A Terra aperfeiçoa-se nas curvas do Oceano. Poseidón talha-se na feição dos ventos, dos luares e das marés. Tudo é singelo, mas incrivelmente bem feito. Só uma deusa ama assim as coisas para as fazer tão secretas, misteriosas, mas intrinsecamente electivas. A beleza paira, hoje, mais do que nunca, sobre Ti e sobre o Mundo.

A universalidade dos gestos, sentidos e sensações está sempre conTigo. A perfeição do lustre, da talha dourada, de todo esse teu rococó corporal, espanta-me as mágoas e exorciza-me os fantasmas.

Os livros velhos têm um cheiro 'a corpo'. A luz, fundida, tem aureola e espelha luz. O ar, outrora sufocante, amansa e abraça as entre-linhas do espaço. Posso suspirar, respirar e transpirar. Porém, tudo podes riscar ou reescrever na essência de cada movimento.

Duvido-me.

Não sei quem és, mas sei exactamente o que és.

Luís Gonçalves Ferreira

8 comentários:

  1. "Só uma deusa ama assim as coisas para as fazer tão secretas, misteriosas, mas intrinsecamente electivas. A beleza paira, hoje, mais do que nunca, sobre Ti e sobre o Mundo.

    Duvido-me.

    Não sei quem és, mas sei exactamente o que és"


    Magistral, Luis.

    Abraço

    ResponderEliminar
  2. Adorei as tuas palavras!!!

    Já tinha saudades de passar por este cantinho!!
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  3. Tão bóOOnito :)

    Gostei, muito! BeijoLas.

    ResponderEliminar
  4. (Suspiro) Gostei tanto, tantooo :')

    "Não sei quem és, mas sei exactamente o que és."

    Beijinho Luis

    ResponderEliminar
  5. Bem primo... Tenho passado sempre por cá e acompanhado todas as tuas publicações. No entanto, não tenho comentado. Desculpa...

    Hoje não resisti a este maravilhoso texto.

    "A universalidade dos gestos, sentidos e sensações está sempre conTigo. "

    "Duvido-me"

    "Não sei quem és, mas sei exactamente o que és."

    Amei mesmo...

    :D

    ResponderEliminar
  6. é a primeira vez que estou a visitar este blog, achei absolutamente divinal.
    *

    ResponderEliminar

Vá comenta! Sem medo. Sem receio. Com pré-conceitos, sal e pimenta!