sábado, 24 de abril de 2010

Torno-me puro no bater das tuas asas

No suave bater das tuas asas,
Longínquas, fartas, apaixonadas,
Sinto que chegas.
Vens e vagueias-me a alma,
Louca, perversa.
Serpenteias-me e dominas.
Torno-me puro ao ver-te,
Neste sonho.
Nascem gritos que me aquecem.
Gemidos que me queimam.
Forças que me acalmam
O Calafrio da saudade.
Farto. Repleto. Chegas,
Numa aura que brilha
E acalenta...
Não!
Não! Não vás.
Fica. Abri-te o coração.
Não partas.
Nem penses que escapas.
São os olhos da alma que te viram,
Escolheram. São eles que te sentem.
Serão eles que te sepultarão.
Nem que seja, lá longe,
No último suspiro das nossas almas.
Somos um. Para sempre.
É nosso este fardo: Um fado
De amar loucamente e estar ligado,
Para sempre.
Para todo o Sempre.
Fica.
Eu prometo-te:
Serei sempre teu.
Luís Gonçalves Ferreira
24 de Abril de 2010

Dedicado.

5 comentários:

  1. Que poema bonito Luis , estás cada vez melhor , escreves o que te vai na alma e não estás com rodeios . Gostei .

    Beijo

    ResponderEliminar
  2. Muito bonita esta dedicação Luis (:
    Espero de verdade que sejas feliz!

    Beijoo

    ResponderEliminar
  3. Olá amigo

    "Torno-me puro ao ver-te,
    Neste sonho.
    Nascem gritos que me aquecem.
    Gemidos que me queimam.
    Forças que me acalmam
    O Calafrio da saudade.
    Farto. Repleto. Chegas,
    Numa aura que brilha
    E acalenta...

    São os olhos da alma que te viram,
    Escolheram. São eles que te sentem.
    Serão eles que te sepultarão.
    Nem que seja, lá longe,
    No último suspiro das nossas almas.
    Somos um. Para sempre".

    A dedicação, o amor em nossas vidas, a Emoção do Sentir quase abruptamente,a intensidade da entrega e do querer eterno todo o momento, são, indubitavelmente, velas empoladas pelo vento que conduzem a nossa embarcação sem o temor de nada.

    Fico muito feliz por ti :) E espero que esse sentir não te decalque num futuro com limos nas pedras: antes, te torne forte e poderoso, sem por isso deixares de receber em igual medida. Para sempre :)

    Um grande abraço :)

    ResponderEliminar
  4. Parece um sonho, daqueles mais belos...

    Lindo que só!

    Abraços.

    ResponderEliminar

Vá comenta! Sem medo. Sem receio. Com pré-conceitos, sal e pimenta!