terça-feira, 7 de setembro de 2010

Convulsão

Venho para aqui e não me sai nada. Não consigo escrever nada. Talvez porque não tenha mesmo nada que dizer, me virtude de ter pouco tempo livre. Não consigo escrever mais nada. É tudo. Vim só dizer que estou vivo e sinto saudades vossas, gente que paira por aí. 

Luís Gonçalves Ferreira

5 comentários:

  1. Como eu te entendo :s Quero tanto escrever, mas nao consigo, já nao sai nada :xx e entristeco com medo de estar a perder o "jeito" p/ a coisa :s Espero qe as palavras voltem rapidamente tanto para este lado, como para esse!
    Um beijinho *

    ResponderEliminar
  2. ultimamente a inspiração também não paira por aqui =P

    ResponderEliminar
  3. Quando menos esperares, a inspiração volta.
    Tu tens um dom e ele passa por escreveres textos tão profundos e cheios de significados, como só tu sabes. Lembras-me (por vezes) José Régio.

    Um beijinho.
    Marta*

    ResponderEliminar
  4. Eu cá estou numa de ter muito para dizer e não querer. Ou não poder. Graças e desgraças de ter blogues públicos...

    ResponderEliminar

Vá comenta! Sem medo. Sem receio. Com pré-conceitos, sal e pimenta!