sábado, 9 de outubro de 2010

Relatório ordinário-mas-não-muito-distinto

Foi uma energia incrivelmente positiva que me encheu os poros e os pulmões e tudo o que sobrava dos cacos em que me tenho desdobrado. Resta um caminho, sem curvas, nem contra-curvas, pronto a ser feito. Tenho uma sorte incrível, disseram. Só me resta acreditar, respirar fundo e seguir em frente. Seria perfeito se alguns sonhos fossem feitos realidade. Seria perfeito se as nuvens desaparecessem. Provavelmente, sou mesmo eu que crio isto tudo na cabeça para me sentir "normal". E pronto. É isto que me apetece dizer hoje. 

Luís Gonçalves Ferreira

1 comentário:

  1. Por vezes o nosso complicómetro só estraga o que está bem... =)
    ESpero que esteja tudo bem ctg!
    Beijinhos*

    ResponderEliminar

Vá comenta! Sem medo. Sem receio. Com pré-conceitos, sal e pimenta!